domingo, 13 de julho de 2014

Cem Poemetos de Solidão: Poemeto LXXIX

LXXIX


Pra ninguém suspeitar de meu ego imenso, dei ao escritor Faulkner o título de mestre de meu engenho. Meu ego enciumado manteve-se calado, mas logo me castigou com um câncer linfático!


Nenhum comentário:

Postar um comentário