sábado, 21 de junho de 2014

Cem Poemetos de Solidão: Poemeto LIX

LIX

Não aceito esse medicamento, senhor doutor! Se ele esteriliza a minha noção de realidade autoritária, como posso me divertir, criando uma fantasia contrária? Não me venha com ciladas: como posso criar uma loucura sensata, se a lucidez me escapa?


Um comentário:

  1. Loucura e lucidez desde o princípio intimamente vinculadas
    A primeira habita o porão, a segunda costuma só ficar pela sala

    Abraço

    ResponderExcluir