terça-feira, 31 de julho de 2012

As Solidões compartilhadas se comunicam: "Um quarto de menina", de Cíbila Farani

Yeah!!! Depois de um ano de existência, as solidões coletivas chegam á sua maturidade: agora não sou só eu que compartilho solidões poéticas - elas agora se espalham entre os escritores e leitores e a estrela da poesia brilha cada vez mais única e coletiva! Hoje posto o fodástico poema "Um quarto de menina", da poetamiga valenciana Cíbila Farani (é a segunda vez que a poeta traz seus cantos e encantos para o blog), escrito em homenagem a Raquel Leal e seu "quarto de voar". O poema de Cíbila traz-nos aquela singeleza e ritmo raros, lembrando o estilo de grandes poetas como Mario Quintana e Manuel Bandeira.
Outra novidade que faz o poeta blogueiro que vos fala imensamente feliz é a confirmação da participação de Cíbila no Sarau Solidões (cada vez mais) Coletivas In Bar 5: O Quinto Engradado Lírico, a ser realizado no Bar e Restaurante Costelão, em Valença/RJ, no dia 18 de agosto, ás 18:30h.
Voemos mais uma vez, leitores, voemos!!!



Ah um quarto de menina
Nada nesse mundo se compara a um quarto de menina
Seu perfume de tantos vários outros perfumes misturados
Dança no ar
As pedras dos brincos pendurados na borboleta de enfeite
Brilham no ar
O som das risadas em tardes inteiras deliciosamente desperdiçadas
Ecoam no ar
Echarpes e lenços e meias de seda com broches de libélula
Voam no ar
No ar de um quarto de menina
Só é permitido sonhar
Só paira no ar de um quarto de menina
Tudo o que for referente a amar


Nenhum comentário:

Postar um comentário