sábado, 5 de novembro de 2011

Mais uma de amor: A queda

Hoje publico mais um poema de amor e a eterna dúvida e fragilidade que ele nos traz. O poema abaixo foi publicado no meu quinto livro "Eu e outras províncias" (2008):



A queda

Cai do céu
o amor
cobre o ser...
Cresce com as flores
o amor
cobre suas dores,
a solidão no jardim...
Murcha como as flores
o amor...
Cai do céu
o amor
mas não se machuca
tem nossos corpos
pra se escorar...
Cai sobre nós
o amor
mas... e nós?
onde vamos cair?



Nenhum comentário:

Postar um comentário